Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘josé hipólito’

A partir de agora, o prédio só poderá ser visitado mediante agendamento prévio.

23163859

Museu da Comunicação Hipólito José da Costa. Foto: Reprodução

Responsável por salvaguardar uma parte preciosa da memória cultural e histórica do Estado, o Museu da Comunicação Hipólito José da Costa agora só pode ser visitado mediante agendamento prévio. Enfrentando há muitos anos problemas estruturais que comprometem a integridade física de seu rico acervo, o prédio no Centro Histórico de Porto Alegre abriga jornais, revistas, filmes, áudios, fotografias e peças publicitárias.

O Hipólito junta-se a outros equipamentos culturais da Capital colocados em ponto morto a fim de não colapsarem por completo – em alguns casos, para literalmente não desabarem sobre as cabeças dos visitantes. Acena-se com a restauração completa do belo edifício – um processo que por enquanto se arrasta morosamente e cujo prazo de conclusão é aquele que a cultura conhece bem por aqui: sine die.

Ô, psit, caiu com a estátua grega abaixo: até quando vamos aceitar com resignação que museus, teatros, centros culturais e bibliotecas definhem vergonhosamente até serem obrigados a fechar suas portas? Precisam (quase) morrer para despertar nossa atenção?

 

23163748

 

Fonte: Defender

Read Full Post »

O Museu da Comunicação Hipólito José da Costa participa do FESTIVAL INTERNACIONAL DE CULTURA LIVRE – ARTE E MEMÓRIA –  com o projeto LANDSCAPE, intervenção da artista Adauany Zimovski.
As obras ficarão expostas ao lado de duas fotografias do acervo permanente do Museu nos corredores de acesso entre o térreo e o primeiro andar e podem ser visitadas entre 31/01 e 25/02. Também integra o trabalho cartão postal com imagem atual de Porto Alegre, disponível  ao visitante.
O trabalho Landscape, integra o Festival Internacional de Cultura Livre – FIC Livre. Com programação distribuída entre as cidades de Porto Alegre, Novo Hamburgo, Canoas e São Leopoldo, o FICLivre quer mostrar que a cultura amplia horizontes, qualifica nossa relação com o mundo e é fundamental para uma idéia de cidadania no século 21.
Sobre o trabalho
A palavra “lanscape”, que em inglês significa “paisagem”, mas também pode ser traduzida como “cenário” é o título desta proposta de intervenção no espaço do Museu da Comunicação Hipólito José da Costa.
A ideia do projeto é pensar no trajeto de significação da PAISAGEM. A partir de registros selecionados da coleção de postais antigos da artista, é feita uma apropriação das imagens da cidade de Porto Alegre e interior para colocar em evidência o que chamamos de paisagem, quais as possibilidades de ampliação do significado desse termo e como esse conceito pode ser entendido atualmente.  A artista observa que:
“Em alguns postais podemos ver que, às vezes, uma das cores da impressão sai da marcação e corrobora um pequeno deslocamento da imagem final, como uma duplicação. Essa característica me chama a atenção para o fato de que não há nada mais fictício do que o padrão de paisagens usadas nesse meio de publicação e que o que estamos vendo é um ideal construído do lugar admirado.”
Adauany Zimovski, São José dos Campos – SP.
Vive e trabalha em Porto Alegre-RS. Bacharel em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Desde 2007, é co-gestora do Atelier Subterrânea (www.subterranea.art.br).
Participou de diversas exposições coletivas e individuais em Porto Alegre e pelo interior do estado. Em 2006, integrou o grupo Passos Perdidos, vencedor do Prêmio Açorianos de Artes Plásticas (2007) pela exposição coletiva Sala dos Passos Perdidos. Foi artista selecionada em alguns salões, como Salão do Jovem Artista (2007) e Salão de Abril (Projeto Desvenda – 2010) e XI Concurso de Artes Plásticas do Goethe-Institut Porto Alegre.

http://www.adauanyzimovski.blogspot.com
https://www.facebook.com/events/175455772559610/
http://ficlivre.tumblr.com/

Read Full Post »